Lição 19 – Hidratação Facial

hidratação facial

Assim como os cabelos, a pele também precisa de hidratação regularmente. A hidratação facial é essencial para a recuperação da maciez e suavidade da pele. Tem como objetivo alcançar o equilíbrio hídrico da pele, melhorando a elasticidade, luminosidade, e hidratação dos tecidos.

Neste procedimento estético, é essencial conter princípios ativos que tenham a finalidade de regenerar, proteger, conservar e hidratar, prevenindo assim o envelhecimento e a desidratação da pele.

A hidratação facial é muito procurada no inverno, pois é nesta época que a pele fica mais ressecada. É indicada para todos os tipos de pele, desidratadas e desvitalizadas.

Na hidratação facial podem ser utilizados hidratantes, produtos com princípios ativos específicos para a hidratação, máscaras faciais, e também a eletroterapia, com produtos ionizáveis.

Indicações e Contraindicações

A hidratação facial é indicada para peles desidratadas, desvitalizadas, com falta de suavidade e luminosidade.

As contraindicações da hidratação facial são: pele com lesão aberta; alergias.

Fique atento! Se utilizar o aparelho de corrente galvânica com a hidratação facial, as contraindicações do aparelho também serão válidas neste procedimento.

PROTOCOLOS

Há vários protocolos de hidratação facial, e isto irá depender do tipo de pele e dos produtos que serão utilizados. Veja abaixo dois exemplos de protocolos:

Protocolo 1:

>Higienizar a pele;
>Esfoliação;
>Tônico Calmante;
>Sérum Hidratante;
>Máscara Facial Hidratante;
>Filtro Solar.

Protocolo 2:

>Higienizar a pele;
>Esfoliação;
>Aplicar ionto com princípios ativos;
>Ionização (corrente galvânica) com polaridade selecionada de acordo com a polaridade do produto;
>Máscara Facial Hidratante;
>Filtro Solar.

Dica: você também pode associar a hidratação facial com a massofilaxia, e promover além da hidratação, um relaxamento para seu cliente!